Titulo Autor      


  noticias


quarta-feira, 15 de setembro de 2010

O criador e sua mais nova criatura

n.d.a., novo livro de poemas de Arnaldo Antunes, é amostra de sua pluralidadeMilly Lacombe, especial para o iG CulturaO certo seria falar dele no plural. Tipo: Arnaldo Antunes lançam o 16º livro. Mas como o certo muitas vezes soa errado, especialmente quando foge à boa regra, manteremos o singular, ainda que o cara não tenha muito de singularidade: músico, artista gráfico, letrista, escritor, poeta.n.d.a. é o novo livro de poemas de Arnaldo, publicado pela Iluminuras.De cara – mas não tão na cara assim, porque os versos estão quase escondidos na orelha do livro – a explicação do título: “nenhuma das alternativas é uma alternativa a última alternativa é nenhuma das alternativas”.Isso já dá uma dica do que virá a seguir.Mas falemos da tal pluralidade de Arnaldo Antunes.O projeto gráfico é de um sujeito conhecido: Arnaldo Antunes. A capa, de outro conhecido: Arnaldo Antunes, fazendo interferência em foto de Fernando Laszlo – Laszlo que, aliás, tem participação fundamental porque parte do livro traz cartões postais concretistas, com fotos dele.



EDITORA ILUMINURAS - LTDA
Rua Inácio Pereira da Rocha, 389 Cep: 05432-011 - São Paulo - SP Tel/Fax: (11) 3031-6161