Titulo Autor      


  noticias


quinta-feira, 31 de agosto de 2017

Célebre nas artes plásticas, Nuno Ramos também é escritor premiado

RESUMO O artista plástico Nuno Ramos lança no fim deste mês "Adeus, Cavalo", seu oitavo livro. Com uma obra literária prolífica e elogiada, ele começou a esboçar os primeiros textos na adolescência, abandonou a escrita por cerca de dez anos e voltou às letras nos anos 1990, quando a carreira em museus e galerias já se consolidava.

Ele é autor de obras como "Fruto Estranho" e "Bandeira Branca", que causou polêmica na Bienal de 2010 devido aos três urubus vivos que mantinha em confinamento.

O artista plástico Nuno Ramos me recebe à porta de seu ateliê, um enorme galpão retangular localizado no bairro do Cambuci, na região central de São Paulo. O espaço, onde no passado funcionou uma gráfica, possui 600 m² de área, pé-direito que pode chegar aos 5 metros e um aspecto abandonado quando visto de fora.

Sou conduzido por um corredor estreito, cujas paredes amparam caixas de papelão, estantes e objetos embalados. Um salão amplo e iluminado logo se descortina. Num canto, destacam-se da desordem geral os dois grandes troncos de árvore que integraram a instalação "Fruto Estranho", montada em 2010 no Museu de Arte Moderna do Rio.



EDITORA ILUMINURAS - LTDA
Rua Inácio Pereira da Rocha, 389 Cep: 05432-011 - São Paulo - SP Tel/Fax: (11) 3031-6161