Carrinho

Seu carrinho está vazio.

VOLTA

CLAUDIO WILLER

  • R$ 45,00

Surrealismo, magia, poesia, a resistência política dos anos 60 e 70 a rebelião romântica — esses e outros temas fascinantes estão esboçados nesta intrigante narrativa que se passa, simultaneamente, na São Paulo atual, na Paris do começo do século e em todas as épocas em que houve encontros de poetas, bruxas e profetas.

Em sua primeira narrativa em prosa, o poeta Claudio Willer fala de acontecimentos e personagens reais, transfigurados por sua imaginação. Alterna e integra relatos de momentos densamente vividos, poemas em prosa de intenso lirismo e o ensaio, ao conduzir o leitor através de cidades, especialmente a São Paulo dos anos 70 e 80 e a Paris dos surrealistas e das primeiras décadas deste século. Leva-o por um trajeto no qual, partindo de sua experiência e convivência com a literatura contemporânea brasileira e seu ambiente cultural, dialoga com figuras centrais da modernidade, como Breton, Borges, Eliot, Yeats, Artaud, Octavio Paz e outros. Interroga-os sobre questões fundamentais: as relações entre magia e poesia, criação e revelação, palavras e coisas, sonho e realidade, cidades e símbolos, literatura e vida, Eros e Orfeu, o noturno e o diurno, tradição e modernidade, romantismo e rebelião.

Ao narrar acontecimentos e examinar ideias e símbolos da esfera do mágico e do oculto, como o acaso objetivo dos surrealistas refaz a seu modo o mito da viagem órfica que culmina em uma revelação, e se contrapõe à banalização e vulgarização que esses assuntos vêm sofrendo. Com seu tratamento erudito, porém sempre atraente desse tema, evita a mistificação, as explicações fáceis e o proselitismo. Recupera seu fascínio e restitui sua densidade poética.

 

Claudio Willer nasceu em São Paulo em 1940. Publicou os seguintes livros de poesia: Anotações para um Apocalipse (Massao Ohno Editor, 1964), Dias Circulares (Massao Ohno Editor, 1976) e Jardins da Provocação (Massao Ohno/Roswitha Kempf, 1981), Traduziu e prefaciou Os Cantos de Maldoror, de Lautréamont (1a. edição: Editora Vertente, 1970 e 2a. edição: Editora Max Limonad, 1986); traduziu, organizou e prefaciou Os Escritos de Antonin Artaud (LP&M Editores. 1983) e Uivo, Kaddish e Outros Poemas, de Allen Ginsberg (LP&M Editores, 1984). É também coautor da coletânea de ensaio Alma Beat (LP&M Editores, 1985).

Prepara agora uma edição completa e anotada de Lautréamont — Os Cantos de Maldoror, Poesias e Cartas — a sair por esta Editora.

 

Autor(a) Cláudio Willer
Nº de páginas 160
ISBN 85-7321-046-X
Formato 14x21cm

Autores

CLAUDIO WILLER

Avaliações (0 comentários)

Escreva um comentário

Nota: HTML não suportado.
   Ruim           Bom
Cláudio Willer Lit. Brasileira Romance
  • R$ 45,00
Em até 3x sem juros
Comprar
Iluminuras © 2021 - CNPJ 58.122.318/0001-25